Você deve liderar pelo exemplo e... por meio de livros

By in
Você deve liderar pelo exemplo e... por meio de livros

O bom líder não deve se preocupar somente em ser um exemplo para as pessoas, mas também saber a que livros segue e aplica em sua liderança. Mesmo que você não seja um leitor frequente de livros, saiba que sua liderança está descrita neles.

Um grande problema ocorre quando o gerente não demonstra congruência entre sua fala e seu comportamento. Toda vez que os membros de uma equipe percebem que seu líder não é íntegro, perdem a confiança nele. O processo de coaching pode ajudar alguém a mudar seu comportamento, mas não há coaching para honestidade.

Portanto, se o gestor estiver consciente de suas responsabilidades, sabe que precisará ter coragem para, em certas circunstâncias, fazer ações para servir de modelo aos demais. Essa é o princípio que deve reger um verdadeiro líder.

Entretanto, se você fizer isso para seu time, conseguirá exercer sua liderança de maneira duradoura?

Somente isso, não! Pois não propagará sua influência até onde ela precisa chegar. Quer seja porque sua imagem não é vista por todos, quer seja porque poucas pessoas convivem com você por tempo suficiente para se convencerem de que você é, de fato, íntegro.

Portanto, além de ser um exemplo, o líder deve saber como propagar sua mensagem. Ela deve chegar a todos com a força necessária para que percebam quem é a pessoa que os lidera.

Para que isso aconteça, a mensagem de um líder deve ter raízes. Isto é, ele não pode ser alguém que simplesmente emite opiniões, tem senso crítico e sabe fingir que domina assuntos que, na verdade, desconhece. Ele precisa ter conhecimento e saber propagá-lo.

E isso se faz por meio de livros.

Como exemplo, a atitude do Presidente Jair Bolsonaro de mostrar quais são alguns dos livros que orientam seu pensamento é muito rara. Mas, deveria ser copiada pelos gestores.

Relembrando, no seu pronunciamento, no youtube, logo após vencer as eleições, ele tinha sobre a mesa os seguintes livros:

A Bíblia, a Constituição, “Memórias da Segunda Guerra” de Winston Churchill e “O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota” de Olavo de Carvalho.

Se você concorda com os pensamentos do presidente, recomendo que leia esses livros.

Se você não concorda, recomendo que o faça com atenção redobrada!

Nas empresas, sempre que um líder não possui ideias com raízes, em geral, sua gestão demanda um esforço muito maior para ser imposta e os resultados possíveis são dois: ou ela é mantida à custa do dispêndio de muita energia, ou ela não se sustenta no longo prazo.

Quando um gestor não lê nada, ele inadvertidamente está seguindo autores que desconhece, ou cometendo erros fartamente documentados na literatura e que poderiam ser evitados.

Na capa da autobiografia de Martin Luther King é possível ver na parede do escritório onde ele se encontra o retrato de Gandhi. Ou seja, grandes líderes também possuem outros grandes líderes como exemplo.

Na empresa, deve ocorrer o mesmo.

Por mais que hoje haja uma atenção exagerada aos métodos, à diversão, à tecnologia e ao lúdico para a aprendizagem, os livros ainda são insubstituíveis.

Escolha os seus e persevere na leitura constante.

Vamos em frente!

 

 

Dicas de leitura:

“Memórias da Segunda Guerra” de Winston Churchill – https://amzn.to/2W8a4t1

“O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota” de Olavo de Carvalho – https://amzn.to/2T7WHqM

“The autobiography of Martin Luther King, Jr” editado por Clayborne Carson – https://amzn.to/2W7Srty

“Como ler livros” de Mortimer Adler – https://amzn.to/2WaJlMz

“O Líder Transformador” de Silvio Celestino – https://amzn.to/2RZ3whk

Vídeo:

Link do vídeo onde o Presidente Jair Bolsonaro mostra alguns dos livros que segue: https://youtu.be/3gZ3WfVagoo

 

 

 

 

 

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *